Por que não vestiu bem em mim?

A Moda trabalha através da repetição. Já reparou como assim que uma nova moda começa a gente olha para ela com nariz torcido? Quem aceita de cara essa história de usar tênis branco com terninho de trabalho? Ou mule com vestido?

Assim sendo, nossas escolhas de roupas e acessórios vêm das referências às quais estamos sujeitas. E por isso vemos tantas revistas, tanto blog, acompanhamos as escolhas das atrizes. E muitas vezes elegemos algo que achamos lindo num catálogo para, ao chegar na loja e experimentar, descobrir que a roupa ‘maravilhosa’ simplesmente não cai bem.

O comum, neste caso, é nos culparmos: eu deveria estar mais magra, ser mais alta, ter o corpo malhado, etc. etc. Mas seria mesmo por aí?

Não, queridas, não é. As revistas e os catálogos de lojas fotografam as roupas com inúmeros truques, inclusive forjando um caimento e design que elas não têm. Quer uma prova? Olha esta imagem que foi veiculada em um catálogo da Le Lis Blanc:

Vêem os círculos vermelhos que fiz, destacando presilhas nas mangas? Pois então, as presilhas foram colocadas aí para que as mangas pudessem parar lindamente levantadas quando, na verdade, se você experimentar essa jaqueta, elas certamente não vão parar dessa forma. O que aconteceu aqui foi uma falha na revisão da foto e ela saiu sem ter as presilhas APAGADAS por photoshop.

Portanto, da próxima vez que você se encantar com algo impresso ou foto online, não ponha total fé no caimento que está vendo. Pode ser perfeito ou pode ter sido composto para aquela foto em especial e não ser nada daquilo ao vivo.

Nunca se sinta mal por experimentar algo e não ficar bom. A culpa não é sua! Nós somos perfeitas como somos, as roupas é que têm que ser bem cortadas para ficarem boas no nosso corpo, e não o contrário.

Foto da abertura: Ana, do blog Hoje Vou Assim Off, num hilário momento “blogueira verdade”!

Autor: Denise Ribeiro

Moda e livros são meus interesses atuais. Sou #fã de Nova York, Doctor Who, Queen, chocolate e boas séries. Com +50, sou casada e tenho dois filhos universitários. Escrevo todas as terças-feiras sobre moda - ou algo mais que tenha chamado minha atenção ;)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *