Blog

Descanso

por Ana Amorim / Estou em férias esperadas, justas, merecidas. Quanto mais amadureço mais prezo por esses dias onde é possível suspender a rotina, os deveres, o trabalho árduo, as preocupações. Quanto mais os anos passam mais compreendo o valor do tempo preenchido pela beleza, por novas descobertas, pelo compartilhar momentos de prazer com aqueles…
Leia mais

O que não pode ser roubado

por Ana Amorim / Vivemos em um mundo dominado pela incerteza e temos muita dificuldade em aceitar esse fato. Aceitar que a vida é um rio caudaloso que corre à revelia do nosso comando; aceitar  que não somos capazes de prever o que vai acontecer, que não temos o poder de mudar os eventos externos…
Leia mais

Do luto ao renascimento

por Ana Amorim / Durante a primeira metade da vida contamos com um número grande de pessoas da família com quem temos vínculos afetivos muito próximos e significativos e como consequência  vivemos inseridos em uma estrutura que nos ampara e protege. Na medida em que os anos passam vamos perdendo aqueles que nos precederam: nossos…
Leia mais

Você já fez terapia?

por Ana Amorim / Sou psicóloga, psicoterapeuta e minha atuação clínica soma trinta anos. Durante todo esse tempo exercendo minha função (e vocação) tive a oportunidade e o privilégio de escavar junto com meus pacientes fragmentos perdidos no inconsciente, peças que faltavam para compor no aqui e agora um esboço mais claro de cada um…
Leia mais

Para além do medo

por Ana Amorim / Você já parou para observar aonde você vive? Não estou me referindo a um lugar como cidade ou bairro, tão pouco se você mora em casa ou apartamento, se é grande ou pequeno. Na verdade o questionamento refere-se ao cercadinho de crenças que parece delimitar o território interno de nossas percepções,…
Leia mais

Dia de Poesia

Cântico negro José Régio “Vem por aqui” — dizem-me alguns com os olhos doces Estendendo-me os braços, e seguros De que seria bom que eu os ouvisse Quando me dizem: “vem por aqui!” Eu olho-os com olhos lassos, (Há, nos olhos meus, ironias e cansaços) E cruzo os braços, E nunca vou por ali… A…
Leia mais

Preguiça

por Ana Amorim Um dos sete pecados capitais, familiar a todos nós, mas talvez nem sempre pecado… Há aquela preguicinha gostosa de acordar pela manhã e fazer uma horinha na cama até arrebanhar suficiente energia para começar o dia. Há também a que vem depois do almoço e que nos enche de vontade de tirar…
Leia mais

Mamãe, mãe, mãnhê

por Ana Amorim Mãe, mãe, mãe. Mãe terra, Terra, Gaia. Mãe solo, raiz, nutrição, caule, estrutura, copa, sombra, bálsamo, alívio, acolhimento. Mãe água, emoção, afeto, sentimento, mãe que rega seus filhos/sementes para germinarem, crescerem, frutificarem. Águas da vida, do pranto, das lágrimas de dor, de medo, de angustia, de emoção, saudade, gratidão, alegria, orgulho. Mãe…
Leia mais

O predador

por Ana Amorim Temos por hábito apontar, a nós mesmos, todas as pessoas que de alguma maneira nos prejudicaram e às quais debitamos a responsabilidade pela nossa infelicidade – e somos capazes de fazer uma lista imensa; aliás, quanto mais vivemos, mais essa lista tem potencial para aumentar. Temos na ponta da língua o que…
Leia mais

Sobre o viver

por Ana Amorim Segundo a doutrina espírita, escolhemos estar aqui encarnados neste momento assim como escolhemos nossos pais e determinadas situações que enfrentamos no decorrer da vida uma vez que elas proporcionariam o trabalho de certos aspectos da personalidade, que por sua vez contribuem para o processo evolutivo da alma, finalidade maior de cada existência.…
Leia mais

Páscoa e o nosso renascimento

por Ana Amorim Seja para os católicos ou para os judeus, Páscoa tem sentido de vida nova. Para os primeiros significa que Jesus ressuscitou libertando-se assim da morte três dias após sua crucificação. No judaísmo é a comemoração da libertação do povo hebreu adquirida pelo êxodo do Egito onde viviam como escravos, tornando-se então um…
Leia mais

Toda tristeza será perdoada

por Ana Amorim Não gosto do pessimismo, nem nos outros nem em mim. Sair do presente, antecipar-se aos acontecimentos e fazer previsões sombrias é uma péssima viagem. Também não simpatizo com a ideia de curtir mágoas, desilusões ou qualquer coisa desse tipo, voltar o filme sempre na mesma cena e repetir o sofrimento, reeditar a…
Leia mais

Reinventar-se, palavra chave!

por Ana Amorim Muito bem, chegamos até aqui! Meio século já se passou desde que aportamos neste planeta e construímos uma história e tanto, não é mesmo? Dê uma espiadinha rápida no seu percurso e veja quantas coisas você fez, viveu, ganhou, perdeu, trocou, construiu. Há quem tenha estudado muito, se especializado e trilhado um…
Leia mais

Mulheres, buscadoras incansáveis

por Ana Amorim Vocês já perceberam que as mulheres costumam ser maioria em atividades voltadas para o autoconhecimento? De abordagens terapêuticas e holísticas, passando por grupos de autoajuda, reuniões espiritualistas, cursos sobre assuntos ligados à metafísica, rodas de conversa…  Tudo o que acena com a possibilidade de mergulhar em si mesmo atrai o público feminino. …
Leia mais

Dançar para envelhecer bem

O jornal Frontiers in Human Neuroscience publicou um artigo onde cientistas alemães afirmam que a dança pode ser um exercício ainda mais completo que os outros no combate a qualquer tipo de demência senil. Já está comprovado que a atividade física funciona como um antídoto para o envelhecimento do cérebro, e que exercícios regulares garantem…
Leia mais

É pau, é pedra, é o fim do caminho?

por Ana Amorim Não fosse a arte com seus poetas, músicos, pintores, escultores, bailarinos, estaríamos perdidos na aridez de uma realidade esculpida a pedra, lama, chuva, arma, violência, ignorância. Não fosse a solidariedade, estaríamos no meio dos leões. Não fosse a coragem, sucumbiríamos ao extermínio. Não fosse o amor, estaríamos na “roça”. Felizmente para cada…
Leia mais

Mulheres

por Ana Amorim_ 8 de Março, um dia dedicado às mulheres, cheio de comemorações, protestos, reivindicações. Mas afinal, por que temos um dia no calendário anual para celebração da mulher? Pode até parecer homenagem, deferência, mas não é. As aparências enganam… vamos voltar um pouco na história? Houve um período, há muito tempo atrás, onde…
Leia mais

Cheiros da Infância

Não sei se já aconteceu com vocês de estarem andando por algum lugar e sentirem, sem mais nem menos, um aroma que se transforma em um túnel por onde desliza-se imediatamente de volta ao passado. De repente vem um cheiro de algodão doce, de maçã do amor, de bexiga quando fica murcha dentro do quarto,…
Leia mais

Rally!

Ana Amorim       Tenho um grupo de amigas da mesma faixa etária e gostamos de estar juntas, “trocamos figurinha” sobre o que estamos vivendo, fazemos mesmo uma rede de apoio mútuo que ameniza as dificuldades que todas nós enfrentamos. Vira e mexe brincamos com a ideia de que, de fato, nenhum de nós…
Leia mais

O que nos redime?

  Ana Amorim   Caminhamos pela vida entre luzes e sombras. Há em nós infinitos labirintos pouco conhecidos, uma vez que nos dedicamos muito mais a explorar o universo externo que o universo interno. Nossos labirintos contem estreitas passagens, curvas sinuosas, becos sem saída onde, ao entrarmos, ficamos presos, retidos de alguma maneira naquela dor,…
Leia mais

Respeito, todos querem e poucos tem.

Por Ana Amorim     Esta semana fui assistir a uma missa de falecimento. Cheguei cedo, a igreja estava vazia. Sentei-me em um banco e logo as pessoas foram chegando. Antes do padre entrar para iniciar o ritual já fiquei a par de histórias das pessoas que estavam acomodadas ao meu lado e no banco…
Leia mais

Cansaços.

      por Ana Amorim As vezes ele bate à porta, entra a despeito de não ser convidado, espalha-se pelos cantos da mente, da alma, do corpo. Infiltra-se nos pensamentos e os manipula de tal maneira que passamos a acreditar que a luz no fim do túnel está queimada. Pior quando invade a alma,…
Leia mais

Passado

Por Ana Amorim / Outro dia li a seguinte frase: O passado é um lugar de referência, não de residência. Pois não é que a carapuça me serviu? Embora saibamos disso racionalmente, embora tenhamos uma crítica em relação a determinadas pessoas do nosso convívio, principalmente as mais velhas, sobre as quais dizemos viverem no passado,…
Leia mais